Afinal, consumir leite faz mal à saúde dos adultos?

Pesquisas científicas já apontaram o consumo do leite como um dos pilares da boa alimentação. Tempos depois, parte da comunidade científica passou a recomendar que adultos excluam o alimento da sua dieta. E a polêmica se instaurou. Afinal, consumir leite faz mal à saúde dos adultos? Para responder essa perguntas as cientistas Maria Teresa Bertoldo Pacheco, do Centro de Química de Alimentos e Nutrição do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital), e Adriane Elisabete Costa Antunes, professora da Faculdade de Ciências Aplicadas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), pesquisaram o tema e publicaram o resultado no livro Leite para Adultos: Mitos e Fatos frente à Ciência, publicado pela Varela Editora e lançado este mês durante o 8º Simpósio Latino-Americano de Ciências de Alimentos.

Maria Teresa conta que uma corrente dos nutricionistas defende a abolição do consumo de leite por adultos. Um dos argumentos usados é o de que o sistema digestivo humano não seria capaz de processar o leite. Isso, segundo a pesquisadora, é um erro. “O leite faz parte da dieta do homem há milênios. As populações que têm grande acesso ao leite desenvolveram ao longo dos anos uma mutação para produzir uma enzima chamada lactase, que digere a lactose, o açúcar do leite. É um processo evolutivo que favoreceu a adaptação humana para o consumo do leite”, explica a cientista do Ital.

O leite não é indicado, no entanto, a uma parcela da população que sofre de intolerância à lactose, deficiência de galactoquinase, alergia à proteína presente no leite ou a pessoas que desenvolvam uma quantidade maior de muco quando consomem o alimento. “Quem tem intolerância à lactose pode apresentar problemas gastrointestinais como flatulência, diarreia e indigestão. Já quem é alérgico à proteína apresenta uma reação alérgica”, conta Maria Teresa.

A pesquisadora critica as restrições ao consumo do leite in natura para uma população que não apresenta contraindicações. “O leite é largamente utilizado em uma série de outros produtos como bolos, panquecas e outras massas”, comenta. A mesma posição tem o médico nutrólogo e vice-presidente da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran) José Alves Lara Neto. “O leite já nasceu para ser um alimento. Ele tem todos os aminoácidos necessários para a construção e recuperação dos nossos músculos”, comenta.

Prevenção

Lara Neto diz que o leite, quando metabolizado, produz uma substância chamada ácido linoleico conjugado (CLA) que é fundamental para a prevenção de alguns tipos de câncer. “O CLA é eficaz para prevenir o câncer de mama e próstata, que são os mais preocupantes”, diz o médico.

Além disso, os especialistas dizem que o leite é a mais importante fonte de cálcio presente na alimentação humana. O alimento tem a maior biodisponibilidade entre as fontes de cálcio disponíveis. “É muito difícil você encontrar cálcio em um vegetal que seja absorvido com facilidade pelo organismo. Isso é biodisponibilidade”, explica a bióloga especialista em bioquímica de alimento.

Por isso, diz a bióloga, o consumo de leite por crianças e adultos, principalmente idosos, é fundamental. E a grande quantidade de proteína presente no leite é fundamental para a formação de tecidos, sendo especialmente importante para o processo de crescimento das crianças. “Até pessoas que fazem atividade física se beneficiam disso”, comenta o médico nutrólogo José Alves Lara Neto.

No caso das gestantes, algo curioso acontece. Estudos citados no livro comprovaram que 45% das lactantes intolerantes à lactose perdem a sua intolerância durante o período de gravidez e de lactação. “Mesmo que a mulher seja intolerante à lactose, durante a gravidez ela passa a produzir a lactase para digerir a lactose”, explica Maria Teresa.

SAIBA MAIS

Propriedades do leite

Cálcio
Magnésio
Fósforo
Proteína
Potássio
Minerais
Vitaminas B12, A e D

Um reforço nas defesas do organismo

Para as crianças, o leite exerce um papel fundamental. Além de fornecer a quantidade de cálcio necessária para o crescimento, o consumo regular do alimento contribui para reforçar o sistema imunológico dos pequenos. A pesquisadora Maria Teresa Bertoldo Pacheco, do Centro de Química de Alimentos e Nutrição do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital), conta que um estudo conduzido na instituição comprovou os benefícios da proteína do soro do leite. “Ela é importante para formar no sistema imunológico. Fizemos testes em camundongos e depois em crianças portadoras do vírus HIV e tivemos resultados muito favoráveis”, conta a bióloga. Ela conta que o consumo de leite tem um efeito benéfico em auxiliar o sistema imunológico. “Houve uma melhora de quase 100% na resposta imunológica dessas crianças”, completa o vice-presidente da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran) José Alves Lara Neto. (PA/AAN)

Leite com manga faz mal? Esqueça, isso é bobagem

Outra bobagem: alimento é bom para quem tem gastrite

O livro se dedica a desmistificar uma série de crenças que vêm sendo transmitidas há gerações. Quem nunca ouviu falar que beber leite com manga faz mal? “Você pode misturar leite com qualquer fruta, é uma grande mentira achar que vai fazer mal”, diz a pesquisadora Maria Teresa Bertoldo Pacheco, do Centro de Química de Alimentos e Nutrição do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital).

Outra mentira que segundo os cientistas vem sendo repetida há muitas décadas é a de que o consumo do leite faz bem para quem tem úlcera, azia e gastrite e que os comprimidos devem ser tomados com leite para evitar danos ao estômago. “Todas são mitos, pois este alimento tem pouca relação comprovada com a maioria das doenças e sintomas do aparelho digestivo, exceção feita para os quadros diarreicos”, dizem as pesquisadoras em trecho do livro.

Maria Teresa conta que afirmar que o homem é o único ser que na fase adulta se alimenta do leite de outra espécie é mito. “Gatos e cães também tomam leite se oferecermos. O animal não bebe leite porque não tem acesso, mas se oferecermos, ele tomará”, diz.

Segundo as pesquisadoras, é mito também acreditar que o homem pode obter todo o cálcio de que necessita unicamente por ingestão de vegetais. “Outros componentes presentes nos vegetais, tais como fitatos (farelo de cereais), oxalatos (espinafre, nozes) e taninos (chás) diminuem a biodisponibilidade de cálcio”, diz Maria Teresa.

A pesquisadora salienta que nos guias alimentares a recomendação para a ingestão de produtos lácteos é de 2 a 3 porções diárias. “Em média, uma porção de 240g de leite, iogurte ou bebidas fortificadas fornece 300mg de cálcio. Para atingir a atual recomendação de 1300mg de cálcio por dia, para adolescentes seria necessário a ingestão de pelo menos três porções”, diz a estudiosa. (PA/AAN)

Fonte: Cenário XXI – Cientistas pesquisam o leite e os seus mitos27 de novembro de 2009 
Estudo de pesquisadoras do Ital e da Unicamp resultou em livro
Patrícia Azevedo
DA AGÊNCIA ANHANGUERA
Jornal Correio Popular 

http://www.unicamp.br/unicamp/imprensa/clipping-unicamp/2009/novembro-de-2009/27-de-novembro-de-2009/27-de-novembro-de-2009-textos

140 comentários sobre “Afinal, consumir leite faz mal à saúde dos adultos?

  1. André disse:

    ola.
    eu bebo leite e beberei por ando´`a 18 anos e nunca tive problemas. Agora o leite faz mal???? é pa faz mal a quem nao consegue por uma deficiencia criar a enzima lactase para a decomposiçao do lactose, mas isto nao é so aplicavel ao leite assim como aos cereais nomeadamente o pao.

  2. Edgardo disse:

    oi, eu sempre bebi leite e acho que nao há nada melhor pra nosso organismo, lembremonos que somos mamíferos. Saludos desde Argentina.

    • Oi Eduardo, concordo com você. O leite é um importante veículo de nutrientes, como cálcio e vitaminas, além de ser o grande alimento das crianças. Obrigada por sua participação.

      • Edgardo disse:

        por nada, se você etrevistou ao dr. Lara manda-lhe saludos de minha parte, ele é meu amigo génio

      • sandra disse:

        tomo leite ha 59anos, as vezes bebo leite no lugar da agua nao sei ficar sem leite!

    • Tiago disse:

      Somos mamiferos, correcto, mas não somos bezerros para bebermos leite de outro animal, neste caso nomeadamente da vaca!!

      • Olá Tiago, obrigada por sua participação. Se você preferir, pode consumir leite de cabra ao invés do leite de vaca. Além de ingerido in natura, lembre-se que o leite é utilizado como matéria prima para a produção de queijos, iogurtes e na produção de uma série de preparações doces e salgadas.

    • Rafhael Jerônymo. disse:

      Mamíferos, somos. Mas bom lembrar que nossa mãe é uma mamífera humana, não é nem vaca, nem cabra (pelo menos a minha).
      Após o desmame, o ser humano para de produzir a enzima para o sistema digestório digerir a lactose. Os produtos derivados do leite da vaca são transformados em açúcares e outras substâncias, que são absorvidos pelo corpo humano.

      • Alex disse:

        Maravilhosa observação Rafhael, essa é uma verdade inexoravel, mas poucos querem ver a verdade.
        A maioria das mateiras que favorecem o consumo de leite de vaca para seres humanos são pagas por industrias do leite, uma mafia.

        Pra quem não sabe, o leite só é vendido por que as vacas produzem em abundancia, muito mais do que os bezerros necessitam. Mas, mesmo não fazendo bem ao organismo humano, se tornou um meio lucrativo por ser “gostoso”. Em resumo, leite não faz bem.
        e lembre-se, na midia, qualquer mentira vira verdade.

  3. Antonio Paz Lima Filho disse:

    Quero apenas uma resposta a respeito do consumo do leite de vaca pelos humanos
    até a idade adulta.
    O bezerro mama até se tornar um touro?

    • Caro Sr. Antonio;
      Agradeço sua participação no blog, mas infelizmente não posso responder sua pergunta, pois sou nutricionista e não veterinária.
      Continue sempre participando.
      Maria Fernanda

      • Como alimentos que possuem todo tipo de vitamina e não vejo sentido em “MAMAR” a vida toda!
        Além do Homem qual outros mamíferos que bebem leite na fase adulta??
        Estranho, a Humanidade não desmama??, rsrs.

      • Olá Alex, o papel do profissional de saúde é orientar sobre a melhor conduta. Seguir esse caminho ou não é uma oção individual. Lembro que os alimentos não são constituídos apenas de vitaminas. Existem uma série de outros nutrientes. Concordo com você: o homem é um mamífero que se diferencia dos demais em vários aspectos. Continue participando e dando sua opinião.

    • Mariana disse:

      O bezerro e outros animais são não mamam até a faze adulta por dois motivos, primeiro que as femeas desmamam os filhotes para poder entrar no cio novamente e se reproduzirem. Para quem não sabe, na natureza o instinto maior é a procriação, transmitir seus genes, tanto que machos matam filhotes de outros machos para a femea entrar no cio e se reproduzir com eles. Quando os filhotes estão crescidos as femeas não deixam que eles mamem mais, mas se deixassem eles mamariam. Outro ponto é que depois de adultos os animais não tem acesso à leite. Como bem colocado, se oferecido leite para qualquer mamífero depois de adulto eles mamam. Gato, cachorro, rato… vacas as vezes mama umas nas outras ou nelas mesmas! Até aves bebem leite se oferecido, quando eu tinha galinhas e ofereciamos leite elas bebeiam e gostavam! Dizer que beber leite faz mal porque o sesr humano é o único que faz uso regular do alimento depois de adulto é um argumento falso, também somos os únicos que cozinhamos o alimento e nem por isso as pessoas agora vão comer tudo cru. Somos os únicos que produzimos bebidas alcoolicas e nem por isso toda bebida faz mal, em certas quantidades algumas fazem muito bem. Evolutivamente não faz sentido nenhum dizer que leite faz mal. O homem consome leite à milênios, desde que começou a domesticar animais. A seleção natural concedeu vantagens à quem podia digerir o leite, temos em nosso organismos sim enzimas capazes de digerir a lactose e a disponibilidade de enzimas não se dá só na infância e sim pela necessidade. Se ingerimos leite o corpo produz, exceto para quem tem deficiência na produção dessas enzimas. Se o leite fizesse mal mesmo, o consumo não seria tão difundido pela humanidade ao longo de toda nossa história. Dizer que quem diz que o leite faz bem quer favorecer os produtores de leite não tem coerência. Só existe produtor porque existe a cultura do consumo, cultura de milênios, muito antiga. Tomar leite faz parte da vida humana, evoluímos para isso, somos adaptados, fazemos isso desde os primórdios da humanidade. Agora, vem moda de dizer que beber leite faz mal, ok, mostre-me dados científicos que provem isso.

      • graziano disse:

        Tudo besteira, o leite puro é benéfico a saúde mais o leite que chega na sua casa é um veneno, além de não ter proteínas por causa do UHT, tem hormônios que são dados as vacas, e o cálcio para se fixar ao osso precisa de Vitamina D e Magnésio, então essa que leite faz bem é besteira. O consumo em excesso de cálcio vai parar nas paredes das artérias. O ser humano não precisa mais de leite, todos os minerais e vitaminas você retira dos alimentos naturais. Alimentos industrializados não tem benefício nenhum a saúde.

        A menos que consiga leite puro daquela vaca criada na fazenda naturalmente, você está tomando veneno.

        O consumo do leite é questão de costume não de benefício.

      • Graziano, obrigada por deixar seu comentário. Lembre-se que é sempre importante mencionar as referências científicas que você se baseou para chegar a essas conclusões, ok? Assim, as suas afirmações adquirem credibilidade.

  4. Ana Barbosa disse:

    Somos uma nação privilegiada por tanta disponibilidade e diversidade alimentar. Precisamos desenvolver nosso senso crítico com relação a estes modismos/ mitos em relação aos alimentos questionando quais interesses estão por trás destes fatos que geralmente não têm fundamento?

    • Ana, concordo com você: senso crítico é essencial. Uma comunicação responsável, com bom embasamento científico, também ajuda muito! Obrigada por participar.

      • Darileia Donaduzzi disse:

        Boa noite não sei vou conseguir resposta a minhas duvidas devido ao tempo passado da matéria, mas vou tentar. Tenho duvidas com respeito aos altos índices de hormônios liberados pelas vacas quando estão fecundadas, os antibióticos que tomam quando desenvolvem mastite, esses são passados para o leite ou não? são processados por nosso organismo ou não? Tenho muitas duvidas nesse campo, gostaria de saber pois eu adoro leite e não sei se realmente conseguiria viver sem. Desde já agradeço.

  5. Rafael Braga disse:

    Espero que a verdade sobre o leite seja bom, pois, eu sou viciado em leite e consumo pelo menos um litro e meio de leite por dia, sempre com café ou chocolate. Não me recordo quando foi a última vez que fiquei doente….

    • Helenita Thomé disse:

      não lembra da última vez que ficou doente, mas deve estar cheio de espinhas…
      e água tu conheces?

  6. Rafael Braga disse:

    Em resposta ao Sr Antonio, caso me permitam, sim AS VEZES os bezerros se alimentam do leite materno até a fase adulta, e digo mais, existem casos onde ele chega a muito tempo além da fase adulta complementando sua alimentação com o leite materno…Não é muito difícil de se ver em grandes rebanhos, onde o desmamamento não é realizado pelos pecuaristas. Porém isso vai depender de outros vários fatores…

  7. Andrea Nakazato disse:

    Olá Maria Fernanda moro no Japão a 12 anos,sou mãe de 3 filhos pequenos.Tento e muito estar sempre bem informada sobre a nutrição dos meus pequenos,sempre respeitando a minha opinião já formada sobre o que acho certo ou errado.Meus filhos,nascidos aqui,tem preferência a alimentação japonesa,tofus e algas principalmente,mais toda a comida nipônica(com excessão do arroz)leva muito açúcar e saquê,o que acho um erro,apesar de delicioso.Bem o meu problema maior agora é sobre o leite.Sei que é um super alimento,mais gostaria de saber é sobre os hormônios IGF-1,fezes,pus,etc…Li em um site médico que a injeção Posilac que injetam na vaca para que ela dê 26 litros(e não apenas 2)de leite por dia fazem muito mal para nossa saúde e é proibida em alguns países como o Canadá.
    Bem concordemos que não estamos falando de animais bem tratados e nem de um leite que é processado naturalmente pelo organismo do animal.Ficarei imensamente grata se puder me responder.
    Andrea Nakazato

    • Olá Andrea. Obrigada pela sua participação no blog. Eu entendo sua preocupação com relação a alimentação dos seus filhos, afinal também sou mãe. O mundo moderno e o aumento da demanda por alimentos nos obriga a consumir itens oriundos de produções de larga escala, onde se faz necessária a utilização de substâncias que propiciem, principalmente, o controle sanitário. As agências de saúde, como a ANVISA no Brasil, controlam a aprovação dessa substâncias e normatizam quanto à quantidade a ser aplicada. Minha sugestão é que você compre sempre produtos de marcas/ fabricantes de qualidade, ou seja, que fiscalizam seus fornecedores e incentivam as boas práticas de produção. Essa é uma boa forma de garantir a segurança do leite que sua família consome. Um abraço.

    • Mariana disse:

      Esse negocio de ingetar hormônio para dar mais leite é estranho, desconheço isso, meu sogro cria gado e não precisa injetar hormônio nenhum para as vacas produzirem leite. Todo animal, até nós humanos, a fêmea produz mais leite de acordo com a quantidade retirada. O ato de mamar, ou ordenhar, produz um sinal que induz o corpo a produzir mais leite, tanto que em mulheres se o bebe não mama, o leite seca logo. Em vacar ocorreo mesmo, se o bezerro não mama ou não se ordenha, o leite diminui e seca, se a ordenha é constante a produção aumenta.

  8. willami disse:

    Eu durante ferias bebo 4 litros de leite por dia…quando malho nas ferias nem compro a whey protein….bebo 1 litro de leite e vou malhar, tomo outro na saida da academia.Nao tenho desconforto nenhum e me sinto forte tomando leite.

  9. Claudio Moraes disse:

    Sempre fui fã de leite, mas ultimamente, tenho a impressão que quando bebo leite fico mais indisposto e tenho a impressão que o leite me dá uma sobrecarga a mais no meu organismo. Então, estou começando a evitar leite para ter mais disposição.

  10. Thalita Laira disse:

    Olá,
    Estava procurando informações sobre leite e achei esse site. estava em dúvida se ele seria bom ou ruim pq minha médica me recomendou parar de tomar já que ele só é maléfico. Segundo ela, o cálcio contido no leite quase nao é absorvido por nós e que esse papo de leite ser fonte de vida é mito de uma civilização que construiu sua base alimetnar na origem animal. Ela dsse que se eu ingerir uma colher de gergilim por dia terei todo calcio que preciso. dái qd li aqui fiquei em dúvida… E realmente, depois que cortei carne e leite do cardápio, minha vida e a de meus amigos (moro em república) melhorou e muito. Tenho mais disposição, nao tenho gases e até emagreci. Calro que, quem toma e nao faz mal é pq ja acostumou, ne (nao que acostumar seja bom).
    De qq forma, mesmo nao fazendo mal pra saúde, optei por nao tomar leite pq acho um absurdo o modo como tratamos os animais. Injetamos horomonios horriveis nas vacas pra que elas produzam mais leite do que é o natural. Imagina se injetassem isso em nossos seios e ainda por cima prendessem nossos filhos so pra que pudessemm vender nosso leite? Pode ate que ele seja gostoso, mas do jeito que nossa sociedade consome carne e leite é nojento. A gente deturpou a beleza do alimento qd começamos a produzir em larga escala. As vezes parece até ficção científica.
    Bom, é isso =)

    • Olá Thalita; Obrigada por enviar seus comentários. O Ministério da Saúde orienta que a população adulta saudável consuma 3 porções de leite e derivados por dia, com o objetivo de obter nutrientes que outros grupos de alimentos não conseguem fornecer. Se você tem alguma restrição quanto ao consumo desses alimentos, sugiro agende uma consulta com nutricionista para uma orientação personalizada, de acordo com as suas necessidades. Um abraço.

  11. Olá Maria;Beber leite quente ajuda na digestão?
    Beber leite gelado no lugar da água diariamente,pode trazer algum mal a Saúde?
    Quem tem gastrite,não deve beber leite?
    Eu bebo leite quente de manhã,ele funciona como um laxante natural:)
    O leite tem propriedades para isso?
    bjos

    • Olá, o leite não deve substituir a água. Além do leite, você deve consumir água diariamente. O efeito laxativo pode ocorrer devido ao consumo excessivo do alimento na forma integral, já que contem quantidade significativa de gorduras. Sobre a gastrite, o consumo deve ser avaliado caso a caso. Obrigada pela participação.

  12. CÁSSIO RODRIGUES disse:

    Olá tudo bem? quando nascemos, somos amamentados até os 6 meses ou ate´1 ano., correto? gostaria de saber se a Lactase desaparece de nosso organismo após o nascimento dos dentes. e, continuando a contar com a vossa gentileza nas respostas , gostaria de saber quais os conservantes /produtos colocados no leite pelos distribuidores.

    Cordialmente,

    Cássio

    • Olá Cassio, o organismo não para de produzir a enzima lactase após nascimento dos dentes. Quanto a sua outra dúvida, costumam ser utilizados estabilizantes, como: trifosfato, difosfato e monofosfato de sódio.

  13. Ivanildo disse:

    Olá tudo bem

    Tenho 35 anos, e adoro leite, hoje a tarde, escutei um médico naturista que não me recordo o nome, praticamente abominando o consumo de leite, e disse com suas palavras, que as pessoas que consomem leite, no futuro terão cancêr. Bem como leigo entendedor, sei que leite faz bem a saúde, minha finada avó que Deus a tenha, tomou leite até pouco antes de morrer, e ela faleceu com 90 anos, mas faleceu pela idade, não por doenças, acho que os médicos que discordam do consumo do leite não deveriam criar pãnico nas pessoas, que tanto prezam o leite, em parar o consumo. Desde já te parabenizo, pelo seu trabalho, em favor do leite

    • Mariana disse:

      Ivanildo, quem diz que leite pode causar cancêr, ou tá mentindo ou está totalmente desinformado. A humanidade consome leite a milênios, se causasse cancêr mesmo, ou já estaríamos extintos ou teríamos abandonados o leite a muito tempo, pois quem não gosta de leite teria vantagens sobre os outros, é uma questão de seleção natural.

  14. marcia freitas disse:

    Oi td belezinha
    tenho 34 anos consumo muito leite por dia,
    isso engorda? 1 litro por dia..
    As vzs sinto até azedo na boca de tanto leite mas nao consigo
    parar bem ke queria..

    • Olá Marcia, o Guia Alimentar para a População Brasileira recomenda o consumo de 3 porções de leite e derivados por dia (1 porção = 1 copo de leite).
      Uma avaliação nutricional poderá verificar a adequação de seu consumo alimentar de maneira precisa. Obrigada pela participação.

  15. Stephanie disse:

    Ola
    Gostaria de saber se e realmente apropriado o homem beber o leite de outro animal??
    Porque obviamente um gato ou cao aceitara o leite se lhe oferecido, pois e quase como uma mae dando comida ao bebe, ele apenas come mas nao sabi realmente o que esta ingerindo.

    • Olá Stephanie, desde que você não tenha restrições alimentares diagnosticadas por médico, você pode consumir leite de vaca ou de cabra, por exemplo. O Ministério da Saúde orienta o consumo de 3 porções de leite e derivados por dia para um adulto.

  16. G.W.Nóbrega disse:

    Fico na dúvida em que ou quem acreditar e me faz lembrar do óleo de soja que no início dos anos 80 quando foi falado que matava por ser altamente prejudicial a saúde. Anos depois passou a ser o “quase” melhor.
    Hoje recebi uma pesquisa com relato de um estudo (e por isso fui atrás) que o leite está associado ao câncer de mama e próstata e que na China é irrisório estes dois tipos câncer e a causa encontrada é o não consumo de leite de vaca.
    Adoro leite e bebo demais.
    O que fazer agora?

    • Caro G.W. Nóbrega, a recomendação do Ministério da Saúde continua sendo para o consumo diário de 3 porções de leites e derivados. Fica difícil comentar a pesquisa que você recebeu, sem ter acesso a ela. Obrigada pela participação.

  17. Felipe disse:

    Tenho 30 anos, bebo leite desde que nasci, todo santo dia. Hoje bebo cerca de 1L de leite por dia. Nunca tive problema nenhum, de indigestão, alergia e não sei mais o que. Acho que cada caso é um caso, não podemos generalizar. É que nem óleo de dendê, pra mim é passar mal na certa, pra outros não acontece nada. Tem gente que generaliza e simplesmente fala: “Não beba leite!”, como o cidadão desse link: http://www.saudeintegral.com/artigos/nao-beba-leite.html Isso é ridículo! Graças à Deus posso beber leite à vontade, pois acho muito gostoso! Pra quem não pode, só lamento… Abraço!

  18. G.W.Nóbrega disse:

    Fiz um comentário e depois dele já apareceu outro onde o rapaz cita que adora leite e lamenta aos que não podem. Eu também adoro leite e também bebo em torno de um litro por dia. O que vi em pesquisa e já existe sim polêmica, é a associação dele ao surgimento de câncer de mama e próstata. Pelos relatos que estão por aqui, o melhor é elogiar o leite e nem pensar que possa fazer algum mal futuro.
    Abraço!

    • Mariana disse:

      É engraçado, que querem associar leite a câncer de mama, mas já é comprovado que uso de anticoncepcional hormonal aumenta os riscos de câncer de mama, de outros cânceres e uma série de doenças cardivasculares dentre outras, o quase não vejo médicos empenhados em divulgar isso, pelo contrário, mentem que não causam danos (pois basta consultar uma bula de anticoncepcional para ver os efeitos colaterais e potenciais riscos a longo prazo). Hoje o cara diz que é médico e já quer que tudo que ele fale seja aceito sem questionamentos, pois eu sempre vou questionar, se não houver uma série de pesquisas científicas sérias que comprovem a afirmação, para mim não passa de charlatões.

  19. DÉBORA DOS SANTOS disse:

    DÉBORA 12/07/2011 10:22 GOSTARIA DE SABER SE LEITE FAZ MAL PARA PESSOA QUE RECEBEU O DIAGNOSTICO DE ESTEATOSE HEPÁTICA DE GRAU ACENTUADO (GRAU III) AGUARDO RESPOSTA,DESDE JÁ MUITO OBRIGADO
    SALVADOR-BA

    • Cara Débora, a prescrição dietoterápica deve ser feita de forma individualizada, após meticulosa avaliação do paciente. Sugiro que você agende uma consulta com nutricionista para que a avaliação do seu caso possa ser feita de forma adequada, assim como, a indicação dos alimentos que irão compor a sua dieta. Um abraço.

    • Caro Rafael Silva, obrigada por sua participação, entretanto, o ideal é que você sempre embase cientificamente as suas afirmações. E confirme-as com um profissional de saúde. Dessa forma, você não coloca sua saúde em risco.

  20. Marcio M disse:

    Prezados;
    Sou um pesquisador na área de processamento de dados biológicos e casado com uma pesquisadora na área de química, com inserções na área de engenharia biomédica e estudo em alimentos. Meu filho consome desde de 1 ano de idade, morávamos em uma cidade do interior de SP e agora mudamos para o RJ onde meu filho desenvolveu um rinite sazonal (outono) e chegou a ter duas sinusites. Bom, depois de consultar um homeopata o mesmo falou suspenda o leite pois a rinite dele vem do leite. Pensei um pouco antes de tomar a atitude e como cientistas responsáveis fui atrás de artigos científicos publicados com metodologias claras e com resultados aprovados por revisores da área. Enfim, achei vários sites falando: NAO BEBA LEITE!!!…O VENENO BRANCO!!!…, essas afirmações são feitas sem nenhuma base científica, é provável que tenham detectado em algumas pessoas problemas de alergia ou baixa tolerância à lactose e baseado nessa amostra começaram a privar as pessoas de consumir leite, queijo e qualquer produto à base de leite de vaca. O que fiz eu, suspendi o leite e derivados da alimentação do meu filho e iniciei um medicamento homeopata, resultado: meu filho começou a se coçar inteiro e a tosse que ele tinha não melhorou em nada, isso depois de 10 dias sem consumir leite e tomando o medicamento. Lembrem-se também que o leite em queijos e bolos, são submetidos á processos de fermentação e aquecimento que quebram grande parte de proteínas que eventualmente tenhamos dificuldades de processar em nosso organismo. Notem que, baseado em alguns sucessos, alguns médicos e nutricionistas prescrevem o corte de alimentos importantes sem embasamento científico somente com base no sucesso obtido em consultório, ISSO É UM ERRO GRAVE! Voltei a dar leite para o meu filho, que também toma leite de soja, que consome legumes, que tem 04 anos 1,15m e pesa 21 quilos, tem um desenvolvimento intelectual pleno e comparado às outras crianças quase não fica doente. Pesquisei então sobre a rinite dele, no outono é comum as crianças terem a febre do feno, que está relacionada com alergia ao pólen. Mudamos para um local rico em vegetação no interior do RJ, essa é a causa da rinite dele. Queria dar os parabéns pelo site e pelo trabalho feito de forma séria, com metodologia e com preocupação com a verdade, baseado em ciência.

  21. G.W.Nóbrega disse:

    Tenho o maior respeito por qualquer pesquisador; doutor; cientista e etc, mas, por ter lido uma publicação (acima citada por mim), me preocupei e acabei, depois de muito procurar, este blog. Fico sem entender como ele (o blog) aceita determinadas publicações e cito duas recentes: a primeira de um rapaz que bebe leite há 30 anos e que lamenta aos que não podem beber e a segunda de um pesquisador com a esposa também capacitada na área de alimentos e cita como exemplo o filho de 4 anos como exemplo no consumo de leite de vaca.
    Vejam bem… tenho quase 60 anos e em publicação que li e que me fez participar deste blog foi de que o leite de vaca, em pesquisa, estava associado ao surgimento de câncer de mama e de próstata em adultos. Bebo leite de vaca desde criança e já estou com quase a idade acima que citei.
    Ora… se a pergunta que está no cabeçalho deste blog é referente ao consumo do leite para adultos, para que estamos vendo publicações de gente jovem e de pai falando de filho de 4 anos que consome leite e que são elogiados pelo blog por falarem bem do leite?
    Acredito que tem coisa errada nessas publicações.
    Atenciosamente,
    Nóbrega.

    • Caro Sr. Nóbrega, como mediadora da área de comentários, eu respeito a opinião e crenças de cada um. Nesse sentido, eu não censuro ou restrinjo o comentário de ninguém. Todos são convidados a falar e expressar a opinião e experiência pessoal nesse espaço.
      ATENÇÃO: A orientação do profissional de saúde, baseada em ciência, está no POST . Assim como em outros blogs, os COMENTÁRIOS são abertos para a participação de todos os públicos.

  22. tiago disse:

    Qual é o animal na natureza que adulto mama?
    só o homem! o leite tem td pra dar errado.
    a vaca bebe leite? da onde ela tira o cálcio?
    falar q o leite é uma boa fonte de cálcio isso é mito.
    o cálcio do leite é dificilmente absorvido.

    • Oi Tiago, obrigada pela sua participação no blog. Seria importante se você pudesse citar as fontes das informações que você menciona. Nesse sentido, poderíamos verificar os estudos que chegaram a esses resultados. As atitudes que se referem à saúde devem sempre estar bem embasadas em evidências científicas, não é mesmo?

    • Mariana disse:

      Tiago e demais, a vaca bebe leite sim, é comum para quem cria gado ver vacas mamando umas nas outras e quando elas dão uma doença de descalcificação, dái que mamam mesmo e até nelas mesmas! Todo animal mamífero se você oferecer leite ele toma, faça a experiência, só não toma se não gostar, até galinha toma leite se vc der! Os animais na natureza só não tomam leite porque não tem acesso, as fêmeas desmama os filhotes para entrarem no cio e se reproduzirem novamente e impedem outros animais de mamarem pois o leite é de seus filhotes, seria perde de energia por parte dela. O ser humano bebe leite desde os primórdios da humanidade, assim como cozinha alimentos por exemplo, e ninguem faz afirmar que comer carne cozida faz mal, pelo contrário, evita várias doenças. Esse consumo antigo remete em adaptações e seleção natural favorável a quem não apresente problemas para consumo de leite. E como a moderadora do site disse, não afirme nada sem argumentação embasamento.

  23. Camila disse:

    Eu adorei o artigo!!
    Eu penso da seguinte forma: se formos evitarmos o leite teremos que reaver nossos conceitos e mudar a forma de preparo de varios tipos de comida.
    Eu acredito que o leite e um grande aliado! Nos bebemos leite quando adulto pq passamos por evolucoes biologicas e culturais…os animais nao.
    Em fim, tenho certeza que o leite e um bom aliado!.

  24. Camila disse:

    Ai quanta mentira! O LEITE DE VACA NUNCA FOI NEM É PARA NÓS SERES HUMANOS! é incrivel como a industria dos laticinios gosta de cegar vcs! Quem diz q leite faz bem? nada a ver! faz nada!
    vcs ai, sabem como funciona o processo do leite? como ele é tirado da doce e meiga vaquinha? q aposto, q vcs tb a comem ñ é?
    Então vou falar aqui pra quem ñ sabe a verdade e acha que o leite é tirado por livre e espontânea vontade dela.
    As vacas são criadas pra produzir leite pra os seres humanos q acham q ele é a unica fonte de cálcio q tem! kkkkkkkkk q tontas as pessoas q acham isso..
    Elas são “feitas” para procriar e consequentemente ter leite ( obvio pra dar pro bezerrinho), MAS NÃO! ELAS Ñ AMAMENTAM OS FILHOS! SABEM OQ FAZEM COM OS LINDOS BEZERRINHOS? TIRAM ELES DAS MÃES! OS FAZENDEIROS NEM ESPERAM ELES DESMAMAR! SERIO! A POBRE VAQUINHA LÁ CHORA AO VER SEU QUERIDO FILHOTE SER LEVADO POR UM FDP! agora pra q? PRA TER MAIS LEITE PARA NÓS!
    E VCS SABEM OQ Q ACONTECE COM O BEZERRINHO? ELES O TRANCAFIAM EM UM CUBICULO Q ELE COITADO, NEM PODE SER MEXER! e SABEM QUAL É O DESTINO DELE!? VIRAR VITÉLA! ÉÉÉ´! O BABY BEEF!
    RESUMINDO: por trás do copo de leite q vc julgam ser tão bom, saudavel, e seus derivados. HÁ MUITA! MUITA CRUELDADE COM OS ANIMAIS! E VCS? ACHAM ISSO CERTO? NORMAL? SE ACHAM REVEJAM SEUS CONCEITOS!

    LEITE É DOR!! SOFRIMENTO! COMO Q ISSO PODE SER “SAUDÁVEL” HEIM?

    ps: existem vááá´rias outras fontes de cálcio! como o bróculis, o agrião, a rucula, bebidas de soja enriquecidas com cálcio!

    Pense antes de beber um copo de leite, pense na dor da vaquinha escravizada, a dor de ver seu bebê ser arrancado de suas entranhas! pense.
    Abraços e Namastê!

    • Mariana disse:

      Camila, não sei de onde vc tirou essas informações, mas é mentira que os bezerros são separados totalmente das vacas. Eles amamentam, sim até a idade de serem desmamados, só não fica com as vacas em tempo integral. Para sua informação, se os bezerros não mamasses as vacas nem produziriam leite. Outro erro seu é falar que a industria de leite quer que nós consumamos, é o contrário, só há produção porque há consumo e há consumo porque há milênios a humanidade consome leite, desde que domesticou animais. A industria existe porque existe a cultura do consumo e não o contrário. Evoluímos bebendo leite, atualmente é muito mais fácil alguém que deixa de beber leite ter problemas de saúde do que quem bebe (com exceção, claro, de quem não pode beber leite por intolerância ou alergia, que nem de longe são regra geral, e sim exceção).

    • Sérgio disse:

      Camila, desculpe, pelo que percebi a sua luta é outra, você está expressando sua opinião se baseando no tratamento cruel dos animais…
      Em primeiro lugar o blog não trata deste assunto e sim se o leite faz bem ou mal à saúde.
      Segundo, você está descrevendo um tratamento que acredita ser o verdadeiro, mas já vi em muitos lugares que o que você está equivocada, pois o que a Mariana disse é o que ocorre.
      Você tem todo o direito de não gostar da forma que o leite é produzido, mas não vejo isto como o objeto de discussão deste blog.
      Mostre por favor algum estudo com embasamento científico que comprove que o leite faz mal à saúde.
      Abs.

  25. Aline Novaes disse:

    Ola, adorei a matéria feita a respeito do leite e tenho uma duvida muito séria. Bom, sempre fui uma amante NATA do leite, ao ponto de chegar a beber 1 litro por dia :D e desde que me entendo por gente, sempre fui um “bezerrona desmamada”… Só que, a pouco mais de 8 meses, venho tendo sérios problemas com alergias, a famosa Urticaria. Fui consultado por uma dermatologista que me pediu um “batalhão” de exames, no mesmo não constou nada infeccioso que pudesse estar causado esses problemas. Enfim, ela me pediu pra cortar muitos alimentos, (E eu “cortei”) mas tive, e tenho, uma enorme dificuldade em largar o leite :( … Eu gostaria de saber se o leite poderia estar me causado esses problemas? Infelizmente eu “menti” pra minha dermatologista ao dizer que não estava mais fazendo o consumo do mesmo, uma vez que tenho dificuldades em deixar esse precioso alimento fora da minha alimentação. Desde já agradeço a atenção. Obrigada!!!

    • Olá Aline, o leite, assim como outros alimentos, pode causar os sintomas que você está relatando. Mas, é importante que a hipersensibilidade e/ou a intolerância sejam detectadas por meio de exames ou teste para se optar pela exclusão da dieta. Importante: Não minta para seu médico ou outro profissional de saúde, pois todos os detalhes são importantes para a definição de diagnóstico e conduta. Um abraço.

  26. Diego disse:

    Ola meu nome é Diego, tenho 16 anos e eu tomo muito leite, mais não sei quanto em média preciso tomar, tomo +/- 4 chicaras de leite com achocolatado. Fas bem tomar 4 chicaras por dia?

    • Oi Diego, tudo bem? Para pessoas saudáveis, a recomendação do Ministério da Saúde é consumo de 3 porções de alimentos do grupo do leite e derivados (leite, queijo, iogurte) por dia. Uma porção equivale a 1 copo de 200 ml.

  27. Luciana disse:

    oi…
    de facto somos a unica “especie” a beber até a idade adulta.
    segundo informações profissionais, o leite tem cerca de 21 proteínas que o nosso organismo não digere. Faz sentido pois n nos podemos comparar a um bezerro.
    Se o cão produz é para o cachorro e se a vaca produz é para o bezerro.
    Minha mãe tem cancro, o Leite e os seus derivados foram os primeiros alimentos a serem retirados, se este alimento fizesse bem não seria assim.
    existem exelentes alternativa e bastante mais saudaveis. como p. exemplo o leite de arroz e aveia ou até mesmo soja.

    n precisamos de leite.a verdade é essa.

    • Olá Luciana, o leite de arroz, aveia e soja não podem, de forma alguma, ser considerados alimentos substitutos do leite de vaca. Isso porque o leite de vaca tem origem animal, assim como o leite de cabra, de ovelha, etc. Arroz e aveia são cereais e soja é uma leguminosa, assim como o feijão. Converse sempre com um nutricionista antes de fazer qualquer mudança na sua alimentação. Obrigada por participar.

  28. Alzir Fraga disse:

    Excelente e muito esclarecedora a exposição.
    Parabéns pelo trabalho e muito obrigado por sanar dúvidas que eu tive quando meu cardiologista disse que “leite é para bezerros”.
    Procurei esclarecimento com outros médicos que tinham opinião contrária e continuei a tomar leite.
    Estou com 70 anos e muito saudável.

  29. me falaram o agente tem uma glandula no corpo que se imflama quando tomamos leite e que toda doença que temos e por causa do leite sera verdade isso por favor me ajude por que meu intestino so funciona se eu tomar leite e fiquei muito assustada arrespeito do leite muito obrigada estarei aguardado resposta no meu email beijo

    • Olá Izabel, o Ministério da Saúde recomenda o consumo de três porções de leite e derivados por dia. Isso é o equivalente a 3 copos de leite, 3 potes de iogurte ou 3 fatias grossas de queijo branco. O consumo de leite é importante para a ingestão de uma variedade de nutrientes, dentre eles: proteínas de alto valor biológico, cálcio e vitamina D. Obrigada por participar. Um beijo.

  30. Prezada Dra. Maria Fernanda: há tempos assisti a uma palestra (num programa de TV) de um médico cujo nome não lembro, sendo porém um médico muito conceituado, embora ainda relativamente jovem, que já ministrou até mesmo cursos no Japão. Esse médico falou de vários assuntos referentes a alimentação, e sua abordagem foi sempre supreendente. Uma das afirmações taxativas desse médico é que o leite é bom, sim… para o bezerro, mas para o ser humano não. Minha pergunta é: será que os médicos não têm um consenso sobre o assunto? Afinal, ciência é ciência, tem que proporcionar uma posição fixa sobre as questões, e não ficar um profissional dizendo uma coisa, e outro dizendo outra inteiramente contrária sobre o mesmo tema. Peço a gentileza de esclarecer-me, e também se, sobre as informações que prestei, a Sra. saberia me dizer qual é o médico em questão (infelizmente esqueci-me do nome dele).

    • Olá Gil, você tem toda razão quando diz sobre um consenso entre especialistas. Por isso, é sempre importante citar as fontes da informação. Sobre a relevância do consumo de leite para a saúde humana, você pode consultar o Guia Alimentar para a População Brasileira, elaborado pelo Ministério da Saúde, e que recebeu a consultoria de vários profissionais, dentre eles nutricionistas da universidade de São Paulo e da Universidade de Brasília: http://189.28.128.100/nutricao/docs/geral/guia_alimentar_conteudo.pdf
      Caso você queira consultar as diretrizes internacionais, poderá acessar o “My Plate”, do United States Department of Agriculture (USDA): http://www.choosemyplate.gov/
      Ou ainda, as orientações da conceituada Harvard School of Public Health: http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource/images/healthy-eating-plate-700.jpg
      Todos esses guias alimentares recomendam o consumo de leite e derivados diariamente.
      Sobre o médico que você comenta, infelizmente não tenho idéia de quem seja. Se você lembrar, por favor, me conte, ok?
      Espero ter ajudado. Um abraço

  31. O que me preocupa na medicina são as linhas de pensamento ou, correntes, que diferem em temas vitais. Essa discussão sobre o consumo do leite e derivados é um bom exemplo disso. Nos meus muitos anos de janela já vi, por exemplo, proibirem o diretor de um grupo multinacional, após uma cirurgia de úlcera, de consumi-lo pro resto da vida. Nesse caso específico o paciente, para obter alívio das dores estomacais, consumia quantidades absurdas. Coisa de mais de dez litros diários. A explicação foi de que o nosso organismo produz ácido clorídrico (acho…) para dissolver os alimentos no metabolismo. O tal executivo que mencionei, ao consumir em excesso, estava incentivando o aumento da produção ácida no seu estômago vindo causar a tal úlcera que foi motivo da cirurgia.
    Já li o autor americano Antonny Robbins afirmar que o leite de vaca produz uma proteina (ou enzima, não me lembro) que só é util para o crescimento dos bezerros. Nosso organismo tem o trabalho de eliminá-la pelos poros como substância “desconhecida”. Essa sobrecarga deixaria o indivíduo exposto a alergias. Obviamente que as mutações genéticas cuidam de dar resistência maior ao ser humano nos seus hábitos de alimentação ou, então, resiste e faz aparecer uma legião, cada dia maior, de pessoas com alergia total ou parcial a lactose.
    Para me orientar melhor, não existe na medicina um movimento com o objetivo de uniformizar esse conceito?!
    Se determinados médicos têm opiniões discordantes, não estaria na hora de se apurar a verdade, punindo severamente aqueles que, de forma “irresponsável”, querem abolir o leite do nosso cardápio?!
    Existe algum tipo de pressão dos pecuaristas nacionais ou internacionais nesse processo?!

    Um forte abraço!

    • Olá Carlos, minha recomendação é que, ao buscar esse tipo de informação, você recorra sempre a profissionais que tem formação na área. Por exemplo, o profissional capacitado para fazer alterações na dieta é o nutricionista. No exemplo que você deu, o médico foi capaz de diagnosticar a úlcera, mas ele deveria ter encaminhado o paciente para que um nutricionista definisse a conduta nutricional.
      Na sua mensagem, você também menciona um autor americano, que escreve sobre nutrição. É importante saber qual a formação dessa pessoa e verificar se ele tem competência acadêmica para fazer essas afirmações.
      A ciência, hoje, aponta para a importância do consumo de leite pelo homem. Não existem evidências científicas que comprovem o contrário.
      Espero ter ajudado.
      Um grande abraço!

      • É para buscar esse tipo de informação que estou aqui, Maria Fernanda.
        No passado fui eu quem defendeu uma sua colega na empresa que gerenciei. A cozinheira chefe do nosso restaurante resistia ao cardápio indicado pela competente profissional que fora contratada. Naquele tempo olhava-se com desconfiança para esse tipo de graduação acadêmica. Resumindo, o “mente aberta” aqui obteve êxito e a nutricionista pode trabalhar em paz.
        O caso que relatei, que não posso declinar nomes por motivos éticos, aconteceu há uns vinte anos. O paciente, até por sua posição social, foi tratado por uma equipe de gastroenterologia da melhor qualidade. A cirurgia foi um sucesso. Pode ser que o médico tenha feito a recomendação em função da “queda” do paciente em consumir leite em grandes proporções. Sou economista e reconheço que a minha profissão não é uma ciência exata. Longe disso. São muitas variáveis que podem incidir nos quadros examinados. Tenho humildade bastante para reconhecer erros ou dúvidas. Neste fórum quero, apenas, formar opinião num tema de muita importância para a saúde. Agradeço as informações obtidas aqui e, principalmente, sua atenção e paciência nas respostas.
        Antonny Robins foi considerado o papa da Neurolinguística há tempos atrás. Não sei de sua formação acadêmica. O tema leite foi abordado nuns três parágrafos, baseado em seus estudos sobre o bombardeio de informações que o ser humano tem durante a sua existência, criando hábitos muitas vezes prejudiciais. Procuro ler de quase tudo e, principalmente, na idade em que estou, busco entender o máximo possível das situações.
        Um forte abraço!

  32. Olá Carlos, realmente, a nutrição não tinha o reconhecimento que tem atualmente. No mês passado, ela foi incluída entre os “Best jobs for saving the world” pela CNN Money (http://virou.gr/qy7Q9R), o que nos dá muito orgulho, mas também, muita responsabilidade.
    Sobre o Antonny Robins, o que eu quis dizer é que essas pessoas, consideradas formadoras de opinião, precisam ter muito cuidado com o que dizem, pois seus discursos podem afetar milhões de pessoas (de forma positiva ou negativa).
    Da mesma forma que você se interessa por nutrição, também sou fã de economia. Aliás, atualmente estou fazendo um curso na USP com o excelente Áquilas Mendes, conhece?
    Obrigada mais uma vez por sua participação no blog.
    Um abraço.

    • Você é uma profissional brilhante, Maria Fernanda.
      Daí meu interesse em procurar seus esclarecimentos sobre o consumo do leite e derivados. No emaranhado de informações sobre diversos temas, acaba-se concluindo que “muita coisa é, mas, nem tudo é”. Dúvida shakespeariana que vai perseguir a humanidade para sempre e, em todas as áreas do conhecimento. O curso de economia serviu para que eu, dentre outras práticas, elaborasse projetos de financiamentos junto ao BDMG. Para você ter idéia do tempo que isso se deu, o pró-álcool ainda estava “no papel” em Brasília. Na época eu acompanhava de perto as discussões e os progressos sobre o tema. Acreditei e fiz minhas projeções confiando no avanço do país na área. O curso de economia trouxe muitas alegrias e algumas frustrações e, hoje, estou meio aposentado, ajudando meu filho numa franquia comercial. Em função disso, não conheço o trabalho de Áquilas Mendes. No entanto já consultei o google e tive boa impressão pelos textos e vídeos disponibilizados.
      Obrigado pela atenção e por disponibilizar seu conhecimento neste blog.
      Um forte abraço.

  33. LIGIA MARTINS disse:

    Eu nao consigo viver sem o leite. Esses dias fiquei muito frustrada com uma nutricionista que pediu pra nao beber leite, pois eu era adulta e etc… Professora da Centro Universitario UNA. Porem a mesma fuma intensamente…. Acho que beber leite fara menois mal pra mim que o cigarro. Adoro leite!

    • Oi Ligia, obrigada por participar. Converse com sua nutricionista e explique que você gostaria de manter o leite na sua dieta. É importante que, dentro do possível, o profissional respeite as preferências alimentares do paciente. Um abraço.

  34. Luiz Cadori disse:

    tenho 17 anos, peso 85kg, 175cm de altura.

    estou em um treinamento intensivo na academia, quando acordo tomo 2 copos de leite (200ml) e acrescento +2 colheres de leite em pó (em cada copo). Repito o mesmo após chegar da academia. essa alta ingestão de leite pode prejudicar minha saúde ? não tive nenhum problema intestinal e estomacal. esse consumo gera 60g de protéina (que é ótimo para ganhar massa muscular) eu posso continuar fazendo essa ingestão de leite ?

    • Oi Luiz, tudo bem? Obrigada por sua mensagem. Sobre sua dúvida, o alto consumo de leite pode sim prejudicar a sua saúde pois pode haver a ingestão aumentada de proteínas, gorduras e minerais, como cálcio. É importante que um nutricionista faça sua avaliação nutricional, conheça sua rotina alimentar e faça as orientações necessárias, considerando o ritmo de treino na academia.

  35. Marcos disse:

    Olá Maria Fernanda,
    Tenho 22 anos e sempre tomei leite, mas ultimamente acredito que esteja abusando, sei que o Ministério da Saúde recomenda tomar apenas 3 porções, entretanto eu normalmente chego a tomar cerca de 1 à 3 litros, realmente parece um exagero. Minha pergunta é se isso pode causar algum problema em minha saúde a curto ou a longo prazo. O fato do leite engordar não me preocupa em um primeiro momento, pois sou muito magro, mas tirando o fato de engordar, não sei quais problemas este consumo extremo pode causar.
    Grande abraço.

    • Oi Marcos, tudo bem? Obrigada por deixar seus comentários. A recomendação de 3 porções diárias de leite e derivados é voltada para a população de modo geral. As suas necessidades podem variar para mais ou para menos, dependendo de uma série de fatores. Entretanto, consumir 3 litros de leite por dia, realmente é uma quantidade muito grande. O problema em exagerar na dose está relacionado à ingestão excessiva de calorias, gorduras, proteínas, além de micronutrientes, como cálcio. Esses nutrientes, quando consumidos em quantidades muito superiores às recomendadas, podem acarretar prejuízos para a saúde. Portanto, moderação é a palavra chave, ok? Um abraço.

    • Alzir Fraga disse:

      Pode ficar tranquilo, Juan.
      Tenho setenta anos, sempre bebi muito leite e estou perfeitamente saudável.

  36. Jeison disse:

    Ola, acho interessante o tema, parabens pelo profissionalismo, e a preocupacao de expor os resultados desses estudos claramente, e tambem concordo com alguns comentarios sobre divergencias de profissionais. Alguem citou um dr Japones com muito conhecimento sobre o assunto, eis que o mesmo e o dr. Shinya. Segue um link de video sobre o intestino e consumo de alimentos que fazem mal, como leite e carne vermelha. Obrigado por analisar as informacoes e esclarece-las da melhor forma possivel.

  37. Eu adoro leite, quase tanto como cerveja :D

    Bebo meio litro por dia e tenho 43 anos. Tinha uma tia que também lhe tinham dito que o leite faz male e mais não-se-o-quê, e a verdade, é que aos 70 anos está com uma osteoporose grave.

  38. OLÁ TUDO BOM, EU TENHO UMA FILHA DE 4 ANOS E TEM MUITA SAÚDE E SEMPRE TOMOU LEITE DE VACA DEPOIS QUE A DESMAMEI E LEVEI ELA NO HOSPITAL PORQUE TAVA COM AMIDALITE E O MEDICO ME DISSE O LEITE DE VACA É O PRINCIPAL RESPONSAVEL POR INFECCOES E QUE NÃO FOI FEITO PARA O SER HUMANO O QUE VOCE ACHA DISSO MINHA FAMILIA SEMPRE TOMOU LEITE E NUNCA TINHA VISTO ALGUEM ODIAR TANTO LEITE COMO AQUELE MEDICO?

    • Oi Silmara, o Ministério da Saúde recomenda a ingestão diária de 3 porções de leite e derivados para a população. Uma porção equivale, por exemplo, a um copo de 200ml de leite. Os produtos lácteos são essenciais para o crescimento e desenvolvimento saudável das crianças pois são fontes de nutrientes como cálcio e vitamina D. A carência desses dois nutrientes pode comprometer o desenvolvimento ósseo. A retirada do leite do cardápio só deve ocorrer nos casos de diagnóstico de algumas patologias, como hipersensibilidade (alergia) à caseína. Nesse caso, um nutricionista deve ser consultado para as devidas orientações nutricionais.

    • Olá Antonia, não entendi o que você quis dizer com “dieta do leite”. De qualquer forma, O Guia Alimentar para a População Brasileira recomenda o consumo de três porções diárias de leite e derivados para a população. O leite e seus derivados são as principais fontes de cálcio e vitamina D na nossa alimentação. A exclusão desses alimentos só deve acontecer em casos de patologias com adequado diagnóstico médico. Espero ter ajudado.

  39. Léa Costa disse:

    Olá, Doutora! Tenho 56 anos, fui lacto-vegetariana por muitos anos e sempre pratiquei atividades fisicas, desde a adolescência. Sempre procurei seguir o que o meu corpo me indicava, comendo as coisas que me faziam sentir bem, ditas “saudáveis”, dentro das atividades que tinha no momento. O meu corpo mudou nos anos, minhas atividades também. Sempre fui um modelo de saúde para amigos e familiares, até que tive um enfarte aos 48 anos! Resultado: todo mundo correu pra fazer exames do coração, pois se tinha acontecido comigo, imagina com eles, que tinham uma vida normal, comendo e bebendo de tudo! Nunca descobriram o que causou o enfarte, pois as artérias estavam em ótimas condições. Hoje, vendo meu pai chegar aos oitenta, minha avó aos 94 e uma tia aos 102, comendo simplesmente de tudo, bebendo leite, comendo carne, cheguei à conclusão que cada um de nós é único: essa história do corpo adoecer não pode ser tão generalizada! Conclusão: se você se sente bem com o leite, BEBA. Se não se sente bem com o leite, NÃO BEBA !!!!! Um abraço, Léa Costa

    • Oi Léa, muito obrigada por sua colaboração e por compartilhar sua experiência. As recomendações nutricionais são baseadas em estudos epidemiológicos, ou seja, em dados que atendem a maioria da população. Certamente, existe uma parcela de indivíduos que fica fora da curva de normalidade. É por isso que, assim como você menciona em seu post, a individualidade deve ser sempre considerada ao se prescrever uma conduta dietética. Mas, vale lembrar, que é importante consultar um nutricionista antes de fazer alterações muito radicais na alimentação. Um abraço.

  40. gustavo disse:

    bom meu nome e Gustavo aos 14 anos de idade eu fraturei minha perna esquerda ocorrendo varias lesões dês dos dedos do pé ate abaixo do joelho o meu pé virou para trás
    parecendo de um curupira os médicos ti verão de vira o meu pé para frente e um dos diaquinosticos foi o consumo de muito leite para reconstruí o que eu tinha perdido o medico não acreditou quando eu fui no hospital depois de 18 dias para trocar o gesso para colocação de outro gesso os quatro dedos que estavão completamente quebrados foram restaurados dois deles estavão completamente irrecuperáveis forão todos recuperados o medico disse que eu só poderia usar o gesso em apenas cinco dias porque depois disso eu ja poderia andar logico que os remédios que eu tomava na época ajudarão mas o leite foi a base de tudo os médicos disserão que os ossos da minha perna já estavão curados
    eu sou prova viva que o leite e muito bom para os ossos e ate hoje eu consumo muito leite
    eu posso dizer sim o leite alem de ser muito gostoso e muito bom para saudê dos ossos.
    valeu um abraço.

  41. Sandra disse:

    Minha filha tem 2 anos e meio! Desde 1 ano mama leite de vaca e ama! Hj ela mama so antes de dormir e as vezes qdo acorda de madrugada! De manha sempre toma leite com pao, e durante o dia os derivados de leite, tais com iogurte, queijo e tal…Gostaria de saber se devo dimunir essa mamada da noite e da madrugada…nao sei se muito juntando os alimentos que ela ja consome! Vai ser um sacrificio, mas se for melhor pra ela eu o farei! Dizem que td em excesso faz mal tbem eu nao estou sabendo se isso eh ou nao excesso! As mamadeiras da noite sao de 260ml e na madrugada se ela pede eh mais ou menos de 180 ml. Espero que me ajude

    • Oi Sandra, você tem razão quando diz que o excesso também faz mal. Por isso, é importante respeitar a orientação de 3 porções por dia. Uma porção equivale a um copo de leite (200 ml). Quanto ao consumo de mamadeira de madrugada, na minha opinião, não é um hábito saudável, pois a qualidade do sono de vocês duas acaba sendo prejudicada. Mas, o consumo de um copo de leite antes de dormir é muito saudável. Um abraço

    • Olá Carlos, as recomendações oficiais são sempre as mais confiáveis. Ou seja, procure sempre as referências das informações e fique de olho se são de órgãos como Ministério da Saúde, Organização Mundial da Saúde, Sociedade Médicas, etc.

  42. natalia disse:

    Olá…
    Acho muito engraçado tudo isso cada epoca que passa as pessoas inventan mais e mais,nossos pais,avós e etc foram todos criados em fazendas e em cidades enfim sempre utilizaram o leite como fonte de vida…e nunca ninguem morreu por causa de tomar leite…. agora vem pessoas falando que leite faz mal !?Acho que não é que faz mal ,mas alguns nutricionistas querem mesmo o corte para que suas dietas loucas façam mesmo efeito …Eu não sou “viciada” em leite,mas acho isso uma besteira isso tudo !!

    • Maria Helena Ferreira disse:

      De facto há muitos interresses da himanidade e então ficamos sem saber onde está a verdade, que tristeza. Eu sempre bebi muito leite, ultimamente bebia 1 litro por dia, tive cancro da mama e tive fazer uma nastectomia radical, ainda me encontro em tratamentos e com isto tudo fico sem saber realmente se o leite foi o responsável por este mal.Como eu gostaria de saber a verdade, só espero que Deus me proteja de todos estes interesses que o ser humano tem. Maria Helena

    • Hemerson, o leite não tem a propriedade de anular possíveis efeitos tóxicos dessas substâncias. A recomendação do consumo de Leite e Derivados para um adulto que lida com esses materiais é a mesma do resto da população, ou seja, 3 porções diárias (1 porção equivale a 1 copo de leite de 200 ml).

  43. Cristina Lucas disse:

    ola meu nome é Cristina só uma pergunta o leite ou latecinios podem fazer mal ao sistema nervoso ?

  44. felipe disse:

    Leite humano é bom para o homem, leite de vaca é bom para vaca, não que o leite de vaca faça mal para quem não é alérgico a lactose, mas mesmo pra quem não tem alergia é de difícil processamento, só pra ficar claro meio copo de suco de repolho tem mais cálcio que em um litro de leite. As crianças no oriente não tem o costume de beber leite de vaca e nem por isso são frágeis. O problema não é parar ou não, e sim é abrir os olhos para o mercado que nos faz acreditar em um monte de bobagens seja bom ou ruim, o mercado é que coloca em nossas mesas e mentes essas besteira que pode ou nao pode comer de acordo com a necessidade do lucro. Primeiro foram as gorduras, depois as calorias, depois as gorduras trans e bla bla bla. Mais cade que eles falam do verdadeiro mal o açucar, o açucar movimento um mercado de trilhões de dólares por ano, esperamos sentado alguma empresa ou orgão falar tao mal do açucar.

  45. luis henrique costa silva disse:

    nao vi nem um comentario sobre leite industrializado ou seja de caixinha aquele que dura 3 a 4 meses cheio de quimica

  46. Sempre gostei de leite. Até os 7 anos, usava mamadeira: 1 ao acordar, 1 antes das refeições e 1 antes de dormir (e com achocolatado mais famoso).
    Hoje, tenho 40 anos e de uns meses pra cá, parei de usar o achocolatado pois percebi que uma alergia que tenho no couro cabeludo aumentava/diminuia conforme eu o consumia com leite.
    Nunca tive problemas em tomá-lo cru, fervido, longa vida… E, sinceramente, não me vejo sem tomar leite; apenas se ele me trouxer algum problema comprovado.

  47. Elisãngela Thomaz disse:

    Por favor gostaria de esclarecimento quanto a teoria do Dr. Lair Ribeiro em estudos de HARVARD, em relação as doenças causados pelo leite, principalmente o câncer devido a grande quantidade de hormônios que são aplicados nas vacas que dão 80 litros de leite por dia, por isso é utilizado hormônio e causa ferimentos e infecção na vaca que toma quantidades absurdas de antibióticos, indo para o leite e para carne, a vaca leiteira vive apenas 6 anos.Por favor estou muito confusa, me ajude nessa questão por favor.

    • graziano disse:

      Não é somente a quantidade de hormônio que fica no leite, além de que ele é industrializado e não tem benefício nenhum a saúde. O leite puro de uma vaca saudável criada no pasto naturalmente esse sim seria benéfico a saúde.

      O leite é um produto que dá muito lucro para a indústria.

    • graziano siqueira disse:

      Acho que não ficou claro hoje estamos falando de leite industrializado o longa vida de caixinha, que 99% das pessoas tem acesso, esse leite não é recomendado. Infelismente o leite bom para consumo não temos acesso a menos que você crie uma vaca em casa com capim e sem hormônios.

  48. LIDIANE disse:

    VENHO MUDANDO ALGUNS ANOS MINHA ALIMENTAÇÃO, E MEU ESTILO DE VIDA. E VENHO TENDO UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL E CONFESSO QUE NÃO E’ FÁCIL DEVIDO A CORRERIA DO DIA DIA NÃO TEMOS TEMPO DE PREPARAR UMA BOA REFEIÇÃO E OS ALIMENTOS AINDA NÃO SÃO DE FÁCIL ACESSO VENDEM MAIS EM LOCAIS ESPECÍFICOS E O COSTUME TAMBÉM ATRAPALHA UM POUCO. MAIS ESSA MINHA DECISÃO SEI QUE ME AJUDA A TER UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL POIS APRENDI E VENHO APRENDENDO A CUIDAR DA MINHA MAQUINA (MEU CORPO) A FINAL MINHA MÃE NÃO RECEBEU NA MATERNIDADE O MEU MANUAL DE FUNCIONAMENTO… MAS UMA COISA E’ CERTA CUIDAMOS MELHOR DE NOSSO CARRO DE QUE DE NOS MESMOS… TEMOS UM AUTOMÓVEL MOVIDO A DIESEL E ABASTECEMOS COM GASOLINA? CLARO QUE NÃO…. PENSE NISSO….

  49. jas disse:

    Desculpa, mas só agora vi o artigo. Lógico que o cao ou gato vai beber leite, é gostoso!

    Se fosse assim entao eles deveriam continuar mamando na mae deles durante a vida adulta, o que não acontece, porque a mae para de produzir a quantidade de leite para alimentar o filho.

  50. Eu tomo leite, mas me pergunto se realmente é bom tomar o leite de outra espécie. Vale lembrar que o leite que compramos nos mercados vêm com pus devido a tanta sucção que há nas vacas, elas são machucadas e nesse processo é aí que o homem acrecenta antibiótico na dieta da vaca, e passamos a ingerir ambos, o pus e o antibiótico. Mas o que mais me aperta o coração é saber que além do sofrimento da vaca há também o sofrimento dos bezerros que ficam sem o leite que era deles. E pensem uma coisa…todo mamifero só da leite quando prenha…sem exceção…o que vem a cabeça os estupros que as vacas sofrem sempre pelo homem em suas inseminações artificiais, passando a ser mais uma escrava do homem.

  51. Pingback: Anônimo
  52. Lutero Pereira disse:

    Lutero

    Há muita falácia relacionada com o consumo do leite. Especialmente em dizer que ele é desnecesssário ao adulto. Será que o chimarrão é necessário? O café ou a cerveja? (Nem tudo o que consumimos é necessário). Ninguém pode negar as características nutritivas do leite. Se o seu organismo não produz lactase para catalizar a lactose não tome leite; se não produz insulina evite o açucar, se não produz bilis evite outros alimentos que dependam dela, mas o que o aparelho digestivo processa bem e é comprovadamente nutritivo coma e beba (com moderação) sem medo de ser feliz. O que faz mau é o excesso ou as combinações erradas e não o consumo bem administrado.

    (se for dirigir não consuma alcool, mas o leite está liberado)

  53. Alexandre Fernandes disse:

    Só agora, vários meses após isto sair que tive acesso, más de certa maneira foi ótimo pois pude ler cada comentário e resposta dadas. É muito fácil chegar a verdade. O leite seria sim um bom alimento. Más esqueceram de um fator importante: estamos no Brasil, pais da maracutaia, onde uma boa soma de dinheiro compra tudo; desde opiniões a licenças, e vistas grossas a processos industriais. O leite que chega ao supermercado, assim como o óleo vegetal mata; mata por diversos fatores. querem provas e dados concretos??? O governo que números positivos e recordes de safra e produção, os produtores e empresários querem lucros infinitos, neste quadro a saúde do povo fica em 3° ou 4° plano. cliquem e vejam o que o governo, os empresários e produtores fazem com a sua vida: vocês queriam pesquisas e dados?? estão ae, curtam a vontade.. http://www.desocupadaeamae.com.br/2013/04/09/mito-do-leite-como-estamos-sendo-enganados/

  54. nelson disse:

    Acho este debate muito interessante e o estudo muito inclinado não encontraram nada de errado no leite?Não tenho certezas de nada mas posso dizer que sou asmatico ha 45 anos e melhorei consideravelmente desde que deixei o leite. perguntei ao meu medico e ele acho q esta relacionado.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s